Conheça os critérios para avaliação de uma startup

A avaliação de startups requer  um processo complexo que exige alguns cuidados específicos, devido às suas características próprias.

Baseados nessa necessidade de avaliação e nas dúvidas sobre quais métodos adotar para avaliar uma startup, nós decidimos compartilhar com você o critério que adotamos na Global Consult.

Boa leitura!

Análise inicial para avaliação de uma startup

Inicialmente deve-se considerar a capacidade futura de gerar resultados de forma “escalável”, cujo aumento no número de clientes não exige novos custos de desenvolvimento (multiplicável).

Não há como embasar os fluxos de caixa futuros considerando a média de fluxos anteriores (passados) por se tratar de uma Startup, normalmente Startups novas ainda em fase de solidificação. Outra característica é que esse tipo de Startup é no período inicial que são investidos valores para a criação do produto/solução.

Características a serem consideradas

Por ser tratar de uma Starup existem diversas características que devemos considerar para embasar o Laudo de Avaliação:

  • Startup nova, pouco tempo de atividade;
  • Histórico de faturamento/clientes novo, recente;
  • StartUp – Custos de desenvolvimento na etapa inicial da Startup;
  • Receitas futuras com característica “escalável”;
  • O modelo de negócio permite a réplica do Software a novo cliente sem demandar mais custos.

Considerando as características acima, a opção de avaliação fica limitada as projeções futuras de resultados considerando o estudo de potencial do (TAM) Mercado Endereçável Total.

Avaliação econômica da Startup

A avaliação econômica consiste em valorar a Startup partir de sua possibilidade de geração de renda futura, na prática a analise considera o negócio segundo o Business Plan da Startup.

O serviço se aplica a diversos segmentos, tais como, Startups de alta tecnologia que possuem baixos investimentos em ativo fixo (maquinas, equipamentos, móveis e prédios) não representam o real potencial de gerar recursos e lucros. A elas deve-se agregar a análise do capital humano, seu conhecimento tecnológico, bem como, seu relacionamento com o mercado, que projetam o “Valuation”, o valor da avaliação econômica da Startup.

Variáveis-chaves

A metodologia apresenta de forma clara e coesa as variáveis-chaves para formação do valor de avaliação, e simula diferentes cenários considerando as premissas macroeconômicas, estratégicas, operacionais e financeiras da Startup avaliada.

Estratégica:

Partindo de informações setoriais, envolve cenários macroeconômicos, mercado específico de atuação e concorrência.

Econômico-Financeira:

Levantamento dos custos e receitas compatibilizados a sua realidade para análise prospectiva.

Decisória:

Por meio de parâmetros de qualidade de investimentos, compõe a árvore de decisão, e apresenta ferramentas necessárias a conclusão econômica.

Metodologia adotada pela Global Consult

A Global Consult adota a metodologia chamada TAM, SAM, SOM, traduzindo para o nosso idioma seria Mercado Total (TAM), Mercado Endereçável (SAM) e Mercado Acessível (SOM).

Mercado Total (TAM)

A abordagem do Mercado Total (TAM) é a seguinte: Dentro do mercado potencial, quantos de fato podem demandar seu produto? Qual o valor desta demanda financeiramente?

Para calcular esse número, some as receitas ou vendas unitárias de todas as Startups de um mercado específico.

Por exemplo: Qual o TAM do Mercado Brasileiro de redes de supermercados?

O tamanho atual do Mercado Brasileiro é de 89,7 mil lojas em operação, acima de 2 checkouts. Não há uma pesquisa que aponte quantas redes há no país. Mas se estimarmos que exista 1 rede a cada 10 supermercados há 8.970 redes no país.

Mercado Endereçável (SAM)

Representa a somatória das receitas que você poderia ganhar vendendo o seu produto neste segmento.

É o mercado que você pretende buscar nos próximos anos, ele é segmentado, mas ainda sim deve ser um número bastante atrativo. Se você por exemplo for trabalhar somente com redes de supermercados

A questão é: E se atendermos 100% deste nicho com um serviço/software que custe (por exemplo) R$ 1.299,00 MENSAL chegaríamos a uma recorrência de R$ 11.652,030 (Mês) este poderia representar 15% do Mercado Total (TAM), porque tem a questão da Região do Brasil (tendência a contratar Startups próximas).

Mercado Acessível (SOM)

É a previsão realista de aquisição de parte do seu mercado endereçável, considerando a concorrência, localidade, sua distribuição e canais de vendas e quaisquer outras influências do mercado.
É importante lembrar que todas as informações sobre a previsão de aquisição de mercado devem estar completamente embasadas em sua estratégia de negócios e deve conter dados de como você pretende atingir essa fatia do mercado.

A definição de Mercado Total (TAM), Mercado Endereçável (SAM) e Mercado Acessível (SOM), consiste em, objetivamente, achar quais fatias de mercado você vai conseguir atingir. Nunca eles serão do mesmo tamanho, pois para uma startup ou pequena Startup existem diversos obstáculos para o crescimento, e estas barreiras devem estar claras durante o dimensionamento de mercado.

Conclusão

Como explicamos no post de hoje, a avaliação (Valuation) de uma Startup deve considerar o Business Plan e o tamanho do mercado que é medido por meio da metodologia TAM/SAM/SOM para estimar o potencial de mercado

Se a sua Startup precisa de uma avaliação, se houver interesse em obter maiores informações sobre como avaliar uma Startup ou sobre outro tipo de avaliação contate-nos pelo 0800.009.5555 ou pelo FORMULÁRIO DE CONTATO

 

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Share This